28/01/2015

Resenha: O Filho de Netuno - Os Heróis do Olimpo

Sinopse - O Filho de Netuno - Rick Riordan - Via Skoob 

A vida de Percy Jackson é assim mesmo: uma grande bagunça de deuses e monstros que, na maioria das vezes, acaba em problemas. Filho de Poseidon, o deus do mar, um belo dia ele acorda de um longo sono e não sabe muito mais do que o seu próprio nome. Mesmo quando a loba Lupa lhe conta que ele é um semideus e o treina para lutar usando a caneta/espada que carrega no bolso, sua mente continua nebulosa. De alguma forma, Percy consegue chegar a um acampamento de semideuses, mas o lugar não o ajuda a recobrar qualquer lembrança. A única coisa que consegue recordar é outro nome: Annabeth.

Com seus novos amigos, Hazel e Frank, Percy descobre que o deus da morte, Tânatos, está aprisionado e que Gaia pretende reunir um exército de gigantes para dominar o mundo e reescrever as regras da vida e da morte. Juntos, os três embarcam em uma missão aparentemente impossível rumo ao Alasca, uma terra além do controle dos deuses, para cumprir seus papéis na misteriosa Profecia dos Sete. Se falharem, as consequências, é claro, serão desastrosas.


Pode conter spoiler se você não leu O Herói Perdido 

No final do primeiro livro da série quando descobriram de onde Jason veio deduziram que "Se Jason esta no acampamento meio sangue, Percy esta no Acampamento de Júpiter" 

Percy, como Jason também perdeu a memória, mas como nem tudo são flores, ele acabou caindo num sono profundo (colocado por Juno/Hera), e a Loba Lupa treina para ele aguentar o caminho ate o Acampamento de Júpiter e quando ele estava quase chegando lá aconteceram duas coisas meio doidas, a primeira que ele teve que carregar uma deusa idosa até o acampamento e que os 2 campistas romanos mais azarados e atrapalhados tornam seus companheiros.

E durante um jogo Ares ou melhor Marte aparece e anuncia que o Deus da Morte foi preso por um dos Gigantes de Gaia, e ele manda Frank escolher seus parceiros, e então ele escolhe Hazel (Não é a Hazel de ACEDE viu?! KKK) e Percy. Eles tem uma tempo mega curto até o Festival da Fortuna e nesse tempo eles passam por grandes aventuras.

Gente eu não sei como eu demorei tanto tempo pra ler esse livro, eu demorei quase 3 semanas, eu não conseguia me focar na leitura, mais até que teve uma hora que a leitura FINALMENTE fluiu, eu acho que uma coisa que meio que me atrapalhou e que eu já tinha acostumado com os novos personagens do primeiro livro da série, ai eu tive que me acostumar de novo com o Percy kkk 
Eu gostei muito do livro, mais achei o começo muito parecido com O Heroi Perdido, sim eu sei que aconteceu a mesma coisa com os dois, mais Tio Rick podia ter melhorado um pouquinho. O livro e narrado em terceira pessoa, mostrando nas perspectivas de cada personagens, alternando em cada capítulo. 

“Ele tirou um iPad preto do nada. O deus da morte bateu na tela algumas vezes, e tudo que Frank conseguia pensar era: por favor, que não haja um aplicativo para ceifar almas.”

Pensa numa pessoa rindo igual idiota, então, fui eu nessa parte kkk

Conheçam os novos personagens 


Frank é filho da soldada mortal Emily Zhang e do deus romano Marte.Ele é descendente de Periclimeno (neto de Poseidon) e membro dos Argonautas,por parte da mãe.
Percy se torna amigo de Frank Zhang e Hazel Levesque rapidamente ao chegar no Acampamento Júpiter. E juntos, os três tornam-se os semideuses da segunda Grande Profecia.Frank consegue se metamorfosiar como o seu parente.Ele possui um parentesco com Percy.

Hazel Levesque é uma filha de Plutão (Hades em contraparte romana), que vive no acampamento Júpiter. Ela "já deveria estar morta", pois morreu em 1942, foi para o Campo dos Asfódelos. Nico di Angelo foi ao Mundo Inferior em busca de sua irmã, Bianca di Angelo, mas viu que ela seria sua irmã, então; já que a Morte estava desaparecida ele decidiu levá-la.Hazel possui uma relação amorosa com o pretor Frank Zhang







10 comentários:

  1. Nossa, eu terminei O Herói Perdido há semanas e até hoje não comecei O Filho de Netuno. To doido pra conhecer os novos personagens! :3
    Ai to fazendo uma bagunça com esses deuses e nomes. Porra, eu ri com o quote! kkkkkkkkkk
    Me fala, qual dos dois você mais gostou? O primeiro ou o segundo? E seu personagem favorito até agora?
    Preciso saber pra criar expectativas!!
    Abraço.

    mundoemcartas.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Markus,
      Então.. eu to lendo A Marca de Atena e prefiro esse UEUEHUH zoeira, prefiro O Herói Perdido.

      Abraços!

      Excluir
  2. Adorei a resenha, meus parabéns! Na época eu fiquei ansiosa com o lançamento do livro, mas agora já desisti de ficar acompanhando a série e estou pensando seriamente se vou ler o último livro. Achei que o tema, a história foi ficando repetitiva e isso foi me desanimando.
    Talvez teria sido melhor não misturar a mitologia grega com a romana, ou talvez mudar um pouco os conflitos. Esse lance de alguém querendo "destruir a Terra" (não era essa a palavra que eu gostaria de usar, mas como eu não consegui pensar em nada melhor vai isso) já deu o que tinha que dar.
    Bjs e sucesso com o blog!
    http://escritorawhovian.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Bruna,
      A historia e mesmo um pouco repetitiva, fica sem na mesma coisa e isso me enche um saco um pouco. Misturar as duas me confundiu tudo, espero que ele não venha escrever misturando a egípcia também kk

      Abraços!

      Excluir
  3. Eu gostei muito dessa série e estou mega ansiosa para o último chegar na Sexta para já devorar ele.
    Gosto muito das histórias escritas pelo Rick. O melhor para mim foi A casa de Hades.

    momentocrivelli.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Denise,
      Que bom que você gostou da série, quero acabar logo ela kkk

      Abraços!

      Excluir
  4. Não li essa série ainda, apesar de só ler elogios quanto a ela.
    Espero em breve ler e tirar a minha opinião própria.

    Seguindo aqui... Abraços.
    http://cabinedeleitura1.blogspot.com.br/2015/01/gibis-introducao-leitura.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii,
      Leia, ele e muito boa, só e um pouco repetitiva.

      Abraços!

      Excluir
  5. Eu nunca li nada do Percy Jackson, mas morro de vontade de ler, pois tem um humor muito engraçado e se é engraçado só pelo filme, imagina nos livros??? Já pensou se tivesse um aplicativo para ceifar almas??? Todo mundo ia querer destruir isso. hehehehehe

    Te convido a conhecer meu blog. Agora tenho um Canal no You Tube tb.

    http://meninadeparis.com

    Beijos, fique com Deus

    Dayana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Dayana,
      Leia a série, ela e muito boa :)

      Abraços!

      Excluir